Visualizações

14 março 2006

22



Dia de poesia
ROGERIO SANTOS

hoje é dia!
hoje é dia!
de bife
batata-frita
e poesia
prato-feito
sobremesa
chocolate
e especiaria

Um comentário:

Rafaela Figueiredo disse...

ahh! adoro poemas digestivos!
aliás, tenho unzinho, q fiz há tempos; deixo pra dialogar:

POEMA DIGESTIVO

A lua corre pelo chão da cozinha
Saltando pelos olhos
Salgados como alho
De tempero de comida
Na véspera do óleo derramado na panela.

Como poesia feita no escuro
Com versos pelo fogão.
Mas quem foi que disse
Que poesia se cozinha?
Poesia é comida crua!

beijo