Visualizações

02 setembro 2009

232


(foto: Mar Pequeno by Rose Tóffoli)

Nuvem
ROGERIO SANTOS
(letra e música)

as nuvens no rio quando vão
carregam fugaz solidão
na chuva que vem pelo ar
um rio quer ser todo mar

vem vem nuvem nuvem não vem
nana nuvem nuvem nu vem

na chuva também, quando sal
há lágrima além do lugar
quem sabe você, pelo ar
é nuvem que vem sobre o mar

vem vem nuvem nuvem não vem
nana nuvem nuvem nu vem

namora o sol de se dar
depois vai gestar rio e mar
é nuvem no cio, como não?
desagua também por paixão

vem vem nuvem nuvem não vem
nana nuvem nuvem nu vem

5 comentários:

Virginia Maria disse...

Essa eu vi nascer... (depois, eu quero ouvi-la).. beijos, amigo!

Rose disse...

adoreiiii! ficou perfeita!

sidnei olívio disse...

Parabéns pelo niver do blog e pelo poema canção. Abração.

pituco disse...

parla,signore,
tô aqui num dia ensolarado,preparando-me pra exercitar a carcaça...rs

lindo poema 'nuvem no cio'...e foto muito bonita também.

abraçsons

JR disse...

Contemplativa... A bela imagem escolhida vale um poema... e vice-versa.